Planner X Agenda: Descubra as diferenças entre os dois e faça sua escolha para 2020!

Acredite ou não mas já estamos no mês de outubro, como passou rápido né?! 2019 já começou a se despedir e nada melhor do que terminar o ano pensando nas novas metas, planejamentos e ideias para o próximo ano. E uma das melhores formas de fazer isso é escrevendo! 

Me responde uma coisa: você é do time da agenda ou do planner? É fato que os dois são ótimas ferramentas de organização, mas você sabe as diferenças entre um e outro? Qual é a melhor opção para ajudar 2020 ser um ano incrível e produtivo? Vamos lá, eu vou ajudar na sua escolha. :)

Começando pelo time das agendas. Essa já é a queridinha de muitos por atender desde quem busca anotar as tarefas da escola a quem precisa dela no trabalho. A dica é escolher uma que combine com você, seja fácil de carregar e tenha seu estilo para que você sinta á vontade de usá-la!    

 

A principal diferença entre ela e o planner é que a agenda possui data nas páginas, isso é legal para quem busca algo mais prático, os dias enumerados ajudam na produtividade no final do mês além de facilitar a visualização dos compromissos marcados. A parte chata é que, por justamente esse motivo, só dar para usar ela por um ano.

Na agenda também você consegue fazer anotações livres! Sabe aquela frase legal que você leu e não quer esquecer ou o nome de música?! Então, na parte da anotações você consegue fazer isso! Você também pode decorar as folhas da forma que quiser! Use a cartela de figurinhas para deixar as páginas de sua agenda mais coloridas e divertidas.

 

 

 

 

 

Outras características legais da agenda é que nela tem como colocar seus dados pessoais e fazer um planejamento prévio do seu mês, isso ajuda bastante na hora de estabelecer metas para serem cumpridas ao longo das semanas. Ela também tem lista telefônica! Vai me dizer que nunca rolou de você estar fora de casa, celular sem bateria e dar um branco na hora de lembrar o número da sua mãe, isso acontece nas melhores famílias ;)

 

 

 

Agora a vez do planner! Esse é uma espécie de "primo próximo" da agenda mas com mais flexibilidade do que os modelos tradicionais. Ele não possui data e tem folhas de planejamento semanais e mensais, além de espaços para você definir o que é importante e o que fica para o próximo mês (xó, procrastinação!)

 

Um exemplo de planner legal e útil, é o planner de mesa. Você pode usá-lo na mesinha de estudos, na sala do trabalho e levar ele com você para qualquer lugar! Ele vem com calendário e folhas pontilhadas para escrever e desenhar. Esse é uma ótima opção para quem gosta de detalhar todo planejamento do mês e criar metas mensais e semanais para serem cumpridas!

   

Mais uma alternativa legal é o planner fichário! Ele é no formato de um fichário e você pode tirar e colocar mais itens conforme a sua demanda. Assim você pode organizar, planejar e colocar sua criatividade para fora.

Agora se você não é do time nem das agendas e nem do planner mas precisa de uma dose de organização, outra opção legal é o calendário de parede que funciona como uma agenda! Nele você consegue anotar suas datas importantes, aniversários e planejamentos. Todo mês tem uma mensagem mais animadora, fazendo um convite ao autocuidado e a positividade! 

Por fim, ambos são ótimas opções para quem busca organizar e tornar seus dias mais produtivos. Agora que você conhece bem os dois, vai ficar mais fácil de fazer sua escolha para 2020 (ou não haha). Mas e aí, qual o seu favorito?

Por fim, ambos são ótimas opções para quem busca organizar e tornar seus dias mais produtivos. Agora que você conhece bem os dois, vai ficar mais fácil de fazer sua escolha para 2020 (ou não haha). Mas e aí, qual o seu favorito?

Link para você que é time agenda e quer começar 2020 do melhor jeito possível.

Link para o time planner que também quer começar o ano com tudo organizado.

Link do calendário de parede para quem quer dar um chega para lá na procrastinação.

 

Autor: Fricote - Publicado em: 23/10/2019 15:09:00


Comentários


É PRECISO ESTAR LOGADO PARA COMENTAR